domingo, 29 de Abril de 2012

Magnésio: resolve as cãibras

O magnésio é o segundo mineral mais abundante no nosso organismo. Cerca de 60% do magnésio encontra-se no esqueleto, 27% nos músculos e a restante percentagem nas outras células do organismo. Este importante mineral está envolvido em mais de 300 reacções metabólicas essenciais ao nosso organismo.
O papel do magnésio na saúde é variado. Participa nas formação de dentes e ossos, ajuda na transmissão de impulsos nervosos, intervém no relaxamento muscular e na produção de energia celular. Em caso de carência, verificamos sintomas de espasmos musculares, agitação, anemia, anorexia, ansiedade, mãos e pés gelados, alteração da pressão sanguínea, insónia, irritabilidade, náuseas, fraqueza e tremores musculares, nervosismo, desorientação, alucinações, cálculos renais e taquicardia. Essencial para a fixação correcta do cálcio no organismo. A deficiência de magnésio pode causar endurecimento das artérias e calcificação das cartilagens, articulações e válvulas cardíacas. O magnésio é recomendado como suplemento na prevenção de algumas condições físicas: hipertensão , diabetes Mellitus , osteoporose
Seu excesso pode provocar: rubor facial, hipotensão, fraqueza muscular, náuseas, insuficiência respiratória, boca seca e sede crónica.

Os principais benefícios em tomarmos suplementos alimentares de magnésio:
  • Produção de energia (falta de magnésio pode resultar em falta de energia crónica) 
  • Combater o Stress (pessoas que sofrem de ansiedade e outras desordens nervosas mostraram ter deficiências de magnésio significativas.O magnésio combate o stress porque tem propriedades tranquilizantes naturais, principalmente quando combinadas com cálcio). 
  • Um coração saudável (o magnésio melhora a situação cardíaca, prevenindo problemas cardiovasculares) 
Nalguns casos é preciso repor os níveis de magnésio no nosso organismo, casos como: doenças gastrointestinais, diarreias, mau funcionamento dos rins ou alcoolismo, 3ª idade, visto poder existir perdas elevadas na urina ou fezes.

Doses diárias recomendadas:
Homens: 400 mg/dia
Mulheres: 350 mg/dia

É difícil diagnosticas a falta de magnésio no organismo, os sintomas mais frequentes são cãibras e tremores nas pernas. São as alturas em que eu tomo este suplemento, neste momento o meu preferido é o Magnesiocard devido ao sabor agradável e a grande concentração. Costumo precisar nas alturas em que vou ao ginásio e começo sentir fraqueza nas minhas pernas, uma caixinha de Magnesiocard resolve este problema.

Os suplementos disponíveis na farmácia são:
  • Magnesiocard ou Metabol-MG são 20 saquetas cada uma com 1229mg de magnésio. Pode tomar 1 ou 2 saquetas por dia. Magnesiocard tem um ligeiro sabor a limão. O preço é 5 euros e tal. 
  • Magnesona e Magnoral são ampolas bebíveis com com concentração acima de 1000mg. Pode tomar 1 ou 2 ampolas por dia. Magnesona tem um sabor doce enjoativo. O preço são 5 e 7 euros respectivamente. 
  • Magnesium-OK é o magnesio mais vendido e apresenta se em forma de comprimidos. Quero chamar atenção que cada comprimido só contem 145 mg do magnésio. Magnésio-OK é bom para manter níveis diárias de magnésio no organismo, mas não é muito eficaz no caso de carência imediata. Contem varias outras vitaminas, por isso funciona como um complexo. Toma 1 comprimido por dia. Custa até 15 euros.
Deixe um comentário com a sua opinião, obrigada!

9 comentários:

  1. Excelente artigo...
    Eu estava com dores nos joelhos e nas ancas, e tremores em todo o corpo eram frecuentes (com mais incidência nas pernas), para alem de me sentir muito em baixo :(. Fui a médico e ele passou-me duas caixas de Magnesiocard e uma embalagem de Cálcio + Vitamina D3 Ratiopharm. Comecei ontem a tomar, adora resta esperar que actue..
    Parabéns pelas dicas.

    ResponderEliminar
  2. Fico contente por gostar do meu artigo ! :)
    O magnésio vai fazer efeito rápido e vai ajudar lhe nos tremores, o cálcio é que provavelmente vai ter de tomar durante muito tempo e vai demorar para fazer algum efeito. Poderá falar com o seu medico para ver se não precisa de tomar Glucosamina, é um suplemento natural funciona como um lubrificante de todas as articulações.
    As melhoras :)

    ResponderEliminar
  3. Atençao a não tomar calcio com magnesio...... Dar no minimo 3 horas entre os 2. Leia o folheto de cada produto que vai tomar pois magnesio e calcio juntos não convina e faz mal. ;)

    ResponderEliminar
  4. O magnesiocard, magnesona o magnoral não contêm essa quantidade de magnésio. Possui um derivado de magnésio que corresponde a uma quantidade muito menor de magnésio propramente dito.

    Magnesiocard: Para determinação da posologia ter em atenção a equivalência entre Mg2+ e Cloridrato tri-hidratado de L-aspartato de magnésio:
    1 mmole Mg2+ = 2 mEq Mg2+ = 24,3 mg de Mg2+ = 245,92 mg de Cloridrato tri-hidratado de L-aspartato de magnésio
    A dose diária média recomendada é de 0,247 mmol (6,0 mg) de magnésio por kg de peso.

    ResponderEliminar
  5. boas. eu já tomava magnesiocard devido a umas dores musculares bem como espasmos.

    Agora comecei a treinar.... e sinto dores intensas no corpo todo. Posso continuar a tomar o magnesiocard ou interfere com o crescimento muscular?

    ResponderEliminar
  6. Boa noite a todos.
    Gostaria que me esclarecessem a seguinte dúvida sobre o magnesium-ok.
    O valor de vitamina B6 presente é de 3571 da ddr enquanto os valores das restantes vitaminas situam-se pelos 50/70/100 da ddr.
    O valor da vitamina b6, sendo tão alto será prejudicial para a saúde?
    Este suplemento parece bastante completo com zinco magnesio vitamina D,C etc mas de facto o valor acima referido assusta um pouco.
    Obrigado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A vitamina B6 aumenta a quantidade de magnésio que entra nas células, por isso normalmente são ingeridos em conjunto.
      B6 é uma vitamina hidrossolúvel, por essa razão o excesso é facilmente eliminado do organismo. É muito pouco provável ocorrer intoxicação com a vitamina B6, de qualquer maneira a ingestão de qualquer complexo vitaminico deve ser cíclico, por exemplo toma durante 3 meses e faz intervalo e depois volta a tomar.

      Eliminar
  7. A magnesona provoca diarreia?

    ResponderEliminar
  8. Em Dezembro de 2009 fiz um Bypass de então para cá é me aconselhado fazer exercícios, como por exemplo caminhadas. Acontece que sinto bastante dificuldade em andar por muito tempo derivado a dores musculares nas barrigas das pernas, falei com o meu farmacêutico que me aconselhou tomar duas ampolas de Magnesona diariamente, comecei precisamente a tomada hoje 08-05-2014, será que posso continuar com esta medicação, ou será prejudicial ao meu estado clinico, atendendo a que só daqui por 8 meses tenho consulta com a minha cardiologista.

    ResponderEliminar